Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2018

Gerenciando aluguel de ações (renda passiva)

Imagem
Fala galera da Finansfera!
Desde Jun/17 que disponibilizo minhas ações da carteira buy and hold para aluguel com objetivo de gerar renda passiva, minha primeira experiência foi registrada neste post.
Acho que é um bom momento para avaliar como ela funcionou e o que deu certo e o que não deu.



Primeiramente vou esclarecer que utilizei a Mirae Asset como corretora, pois podem haver particularidades e se sua experiência for diferente, coloque aí nos comentários!
Quando coloco minhas ações para alugar tenho que dar as seguintes informações:
- Ativo: Qualquer ação disponível - Taxa mínima: Geralmente uso de 1 a 3% ao ano - Quantidade de ações: Não deixo nenhuma ação de bobeira, coloco tudo para alugar! - Operação reversível pelo doador? Sim ou Não - Operação reversível pelo tomador? Sim ou Não  - Prazo que quero deixar as ações disponíveis para aluguel: Geralmente deixo 4 meses - O aluguel pode ser renovado? Sim ou não 
No post anterior discuto esses conceitos. Agora trago alguns esclarecimentos sobre …

Resultado de Trades com Opções - Jun/2018

Imagem
Salve galera da Finansfera!

Na última segunda-feira 18/Jun/18 venceram as opções da série F (Call) e R (Put).


Para aqueles, que como eu, estava reclamando de congestão no mês passado, o mercado virou foi uma indigestão! Imaginava que essa volatilidade/mau humor só viria depois da Copa, mas a greve dos caminhoneiros apressou as coisas e as minhas operações viram todas contra mim.
No mês passado ainda rolou uma grana inesperada que resolvi colocar toda nessa estratégia. Ainda cometi a besteira de brincar com fogo! Achei que ia me dar bem, mas o resultado foi que empatei a maior grana nessa carteira e vou ter que ir gerenciando o meu preço médio até conseguir sair acima do meu break-even.
Existe uma grande diferença entre lucro e fluxo de caixa positivo. A estratégia gerou um fluxo de caixa de R$1.744,95, porém o lucro foi de apenas R$441,71. O importante é permanecer firme e consistente, pois o resultado deve variar em função dos humores do mercado e não do meu.
Continuo interessado em ir en…

Como eu escolho FII de Papel?

Imagem
Olá galera da Finansfera!
Fiz um post falando sobre a decisão de reduzir minha meta de exposição à Selic e compensar com aumento de posição de FIIs de Papel ou CDB. Também fiz um post explicando como os FIIs de Papel podem se beneficiar do ciclo de aumento dos juros que já está sinalizado na curva de juros futuros.
Agora quero falar um pouco do processo de escolha.
Os fundos de papel que estão no radar são BCRI, HGCR, KNCR, KNIP e VRTA. A primeira tarefa é fazer uma boa leitura dos relatórios gerenciais. É ele quem vai mostrar o que tem qualidade e o que está deteriorado. Vamos à um breve resumo!



BCRI11: A meta do fundo é IGPM+6%, possui a administração do Banco Fator, a distribuição mensal vem caindo, e com isso o valor de mercado está cedendo, isso é reflexo da queda da inflação e Selic. Com isso o valor de mercado já está próximo do valor patrimonial. O Relatório não reporta nenhuma inadimplência, e os tomadores de empréstimos apresentam bom Rating médio. Fundo possui alta exposição à