Um Dom Quixote da busca pela Independência Financeira

Olá Galera da Finansfera!

Na história de Cervantes o cavaleiro andante dizia ter travado batalha com gigantes, quando na verdade eram moinhos de ventos.





A minha independência financeira deverá contar com os valores recebidos em dividendos para virar realidade. Quem acompanha o blog sabe da batalha que é a falta de consistência no pagamento de dividendos aqui na bolsa brasileira e da minha dificuldade em estabelecer uma meta que seja factível e desafiadora ao mesmo tempo, pois só assim estarei forçando os limites sem correr o risco de ficar desmotivado por uma meta inalcançável.

Gosto das empresas do setor elétrico, pois possuem um fluxo de caixa robusto e com boa previsibilidade. Tenho alocado meus aportes na TIET3, TAEE11 e EGIE3.

Neste mês passei 14 dias de férias no Ceará e nas minhas andanças pelo estado me deparei, tal qual Dom Quixote, com uma infinidade de cataventos. Os que encontrei ao invés de moer geravam energia elétrica.

Estávamos em Flecheiras, região que conta com vários parques eólicos e quando passei bem perto de um deles vi que se tratava de uma unidade da Engie.

Numa daquelas maravilhosas tardes na praia comentei com a Sra Janota: no futuro são as voltas que esses cataventos dão que irão bancar nossos custos! Rimos muito e continuamos a desfrutar das férias.

Quando fizemos o check-out de Flecheiras e fui pagar a pousada, reparei que os dividendos da Engie que acumulei em 2017 seriam suficientes para pagar aquelas 5 diárias. Quando entramos no carro retomei o assunto dos dividendos, afinal já foi possível verificar um resultado palpável da ideia de Independência Financeira.

É necessário comemorar essas pequenas vitórias e compreender seu valor! Fiquei muito satisfeito em experimentar por esse breve instante o gosto da IF. Porque a guerra é vencida uma batalha por vez!

Grande abraço, bons investimentos e até o próximo post!!!

Disclaimer: Não sou analista certificado. Todos os ativos apresentados nesse blog são apenas ilustrativos, não representando qualquer indicação (nem de compra, nem de venda, nem de manutenção).
Este blog serve apenas para fomentar discussões e trocar experiências.
Conheça bem o mercado que você investe, pois os resultados de suas operações são de sua inteira responsabilidade.

Comentários

  1. "É necessário comemorar essas pequenas vitórias e compreender seu valor! Fiquei muito satisfeito em experimentar por esse breve instante o gosto da IF. Porque a guerra é vencida uma batalha por vez!"

    Disse tudo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Enriquecendo!
      Obrigado pela visita! Grande abraço!

      Excluir
  2. Puts cara, muito bacana ...
    Imagino a emoção que deve dar ver a renda passiva cada vez mais cobrindo os seus gastos e você não tendo que tocar no salário.
    Deve ser muito bom ter todas as contas pagas pela renda passiva.
    Um abraço meu amigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sem Noção!
      Obrigado pela visita! É um caminho longo e é preciso paciência! Chegaremos lá!
      Grande Abraço!

      Excluir
  3. As empresas do setor elétrico quando bem escolhidas tem um bom fluxo de caixa e pagam bons dividendos

    Abraço e bons investimentos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá DIL,
      A TIET é exclusiva de hidrelétricas, a EGIE também possui térmicas e parque eólico, já a TAEE é exclusiva de transmissão. Acredito ser um mix.
      Distribuição eu estou fora!
      Abraço!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Regra dos 50% ou o segredo da felicidade nos investimentos

Medidor de Independência Financeira